Festivais e EventosSemana Santa em Cusco

https://www.machupicchupacotes.com/wp-content/uploads/2019/06/semana-santa-cusco-1280x854.jpg

A Semana Santa, dentro do ano litúrgico cristão, é a semana anterior à Páscoa que começa com o domingo da Quaresma e de Ramos. Uma semana onde se comemora a paixão, morte e ressurreição de Jesus Cristo. Comemorações especiais que recordam a instituição da eucaristia, da fé e devoção.

Quando se comemora a semana santa?

Em Cusco, a Semana Santa é comemorada entre a segunda quinzena de março e a primeira semana de abril. A data é móvel, iniciando no domingo de Ramos onde se realiza a bênçãos de Ramos, procissão e celebração eucaristia na Basílica Catedral a partir das 6h.

É uma celebração religiosa da manifestação do sincretismo católico e andino. Congrega cerca de 80.000 fiéis para receber a bênção do Senhor do povo cusquenho é demonstrado nesta celebração religiosa transmitida por diversos meios de comunicação local.

A bênção possui, como dia principal, a segunda-feira santa, pois nesta data é realizada a procissão do Padroeiro Jurado de Cusco ou o Senhor dos Temblores (Tremores), antigamente chamado de Santo Cristo da Boa Morte.

O Arcebispo da cidade reza uma missa de na Catedral e, a partir das 6h da manhã, são rezadas missas a cada hora até o meio-dia em homenagem à imagem.

Na sexta-feira santa acontece o encontro do andor de Cristo ao Santo Sepulcro e a Virgem Dolorosa

O Senhor dos Temblores

Segundo algumas fontes, o Senhor dos Temblores é conhecido como o Santo Cristo da Boa Morte e sua assustadora aparência remonta ao tempo quando o imperador Carlos V enviou a efígie a Cusco, feito especialmente para os índios, copiando as abruptas feições deste. Os espanhóis buscavam consolidar assim a Conquista feita pela espada e impor sua adoração.

A Capital Arqueológica da América e antiga liderança do outrora poderoso Império de Tahuantinsuyo comemora a Semana Santa adorando a imagem do Senhor dos Temblores ou Taitacha Temblores, em quíchua.

Época

Desde essa época, as procissões do Cristo mestiço são realizadas na segunda-feira Santa, seguidas por uma multidão de devotos que a acompanham com humilde fervor. Nas janelas das casas por onde a imagem passa são expostas refinadas peças de tapeçaria de veludo com franjas de ouros, telas e almofadas brilhantes que as famílias reservam especialmente para esta ocasião.

Tradições

Tradicionalmente as famílias preparam os 12 pratos tradicionais para a Sexta-feira Santa. Após o jejum as famílias se reúnem para o almoço para as comemorações. Diz-se que os 12 pratos representam os 12 apóstolos.

Os pratos mais comuns são o creme de milho denominado de Lawa, sopa de batatas e de camarão, salteado de bacalhau, o sudado de truta, o arroz com mariscos. As sobremesas mais tradicionais são salada de frutas, o arroz com leite, tortas, os suspiros, bolo de pão e crosta de pão entre outros.

A Semana Santa termina no Domingo da Ressurreição. Depois da procissão e da celebração da missa. Pelas ruas principais pode-se sentir o delicioso aroma das iguarias como a saborosa sopa da galinha, tortas, doce de milho branco, os tamales e os bolos. Assim de uma maneira pagã se encerra a Semana Santa Andina na cidade de Cusco.

Compartilhar

Publicar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inscreva-se

Cadastre-se para receber ofertas exclusivas, melhores promoções e muitas novidades.

Inscreva-se

Cadastre-se para receber ofertas exclusivas, melhores promoções e muitas novidades.

Copyright © 2019 Peru Grand Travel – Todos os direitos reservados

Visite-nos nas nossas redes sociais

Visite-nos nas nossas redes sociais

Copyright © 2019 Peru Grand Travel – Todos os direitos reservados

Close

Semana Santa em Cusco

Preencha os campos abaixo para que nossa equipe possa entrar em contato com mais informações. Os campos com * são obrigatórios.

* Data de início do tour


Faça sua cotação via Whatsapp:
+51-959148222