CONSULTORA DE VIAGENS / Luiza Hubener /

E-MAIL/ atendimento@perugrandtravel.com

Machu Picchu

A Cidadela Sagrada – Berço do Império, Machu Picchu, é uma paisagem de grande beleza em meio à floresta tropical de montanha. Construída por volta de 1450-1460 no período dos Grandes Governadores Incas, é considerada a construção mais surpreendente de todo o império. Suas muralhas e terraços dão a impressão de terem sido esculpidos na rocha.

Localização

O santuário arqueológico de Machu Picchu está situado na margem esquerda do rio Vilcanota, na passagem de Jusi Chaka, distrito de Machu Picchu, na província de Urubamba e no departamento de Cusco, a 112 km da cidade de Cusco.

Clima

Machu Picchu está localizada na zona sub-tropical, entre as montanhas de Machu e Huayna Picchu, protegida pelo nevado Salkantay ao sul e ao norte, pelo Verônica, propiciando um clima muito peculiar, fresco e quente, com dias chuvosos dependendo da época do ano.

Altitude

Machu Picchu está a 2.430 msnm.

Como chegar

Primeiro é necessário ir até Cusco ou à estação de trem de Ollantaytambo e/ ou Poroy e pegar o trem para Águas Calientes. Você pode também fazer a Trilha Inca a Machu Picchu. Águas Calientes não conta com aeroporto e não há rodovias de Cusco até lá.

  • A pé percorrendo a Trilha Inca

Uma das alternativas mais frequentes para chegar a Machu Picchu é a Trilha Inca. Realizar esta caminhada é poder visitar diversos centros arqueológicos e apreciar a beleza de suas paisagens. Esta rota é a favorita de muitos turistas. Em média, anualmente, 15 mil pessoas fazem deste seu caminho para chegar a Machu Picchu. Como há uma grande demanda os ingressos são limitados a 500 pessoas por dia, por isso, se você está disposto a realizar este caminho, precisa fazer sua reserva com grande antecedência.

  • Viajar de trem para Machu Picchu

A forma mais tradicional é viajar de trem de Poroy e/ ou Ollantaytambo a Águas Calientes. Existem serviços regulares em diversos horários, diariamente. O primeiro trecho começa em Cusco. Ao entrar no Vale Sagrado ele segue paralelo ao rio Urubamba com lindas paisagens.

Melhor época para viajar a Machu Picchu

A melhor época para se visitar Machu Picchu vai de abril a outubro. Não chove e pode-se contemplar o melhor amanhecer em suas ruínas sem nenhum problema.

Principais atrações de Machu Picchu

É simplesmente espetacular, cada espaço dela é fascinante, não importando para onde você olhe. Por dentro da cidade inca há atrações que se destacam do resto:

Terraços
Plataformas são estruturas representativas do império inca, tendo sido um avanço significativo para a agricultura praticada por este povo com a qual chegaram a gerar micro-climas em níveis distintos das encostas das montanhas onde foram construídas. Provavelmente a cidadela era auto-suficiente.
Templo do Condor
É um dos mais atraentes e surpreendentes em Machu Picchu. Os incas o acomodaram em uma formação rochosa natural talhada em forma de asas junto a outra pedra esculpida como uma cabeça e pescoço de um condor. Esta construção é uma representação em três dimensões da ave sagrada dos incas, símbolo do poder.
Palácio Real e a Acllahusi
No setor residencial de Machu Picchu pode-se observar dois recintos. O Palácio Real, a maior edificação, foi construído com uma fina alvenaria, possuindo um lugar especial. A Acllahusi era possivelmente o lugar onde habitavam as virgens dedicadas à religiosidade, detalhadamente construído com vários blocos.
Montanha de Machu Picchu
É uma montanha sobre a qual está localizada a cidadela. Ao caminhar por ela você poderá observar paisagens sem igual de todo o santuário, uma vez que, de seu cume, pode-se ver a cidade inca e seu entorno de uma maneira única.
Templo do Sol
Estrutura com uma torre semi-circular, situada no setor religioso. Dentro do templo encontra-se um altar cerimonial esculpido na rocha. Em suas paredes há janelas de onde se pode observar precisamente o nascer do sol nos solstícios de verão e inverno.
A Praça Sagrada
Neste lugar há duas estruturas sobressalentes. O Templo Principal, um recinto com três paredes de finos blocos esculpidos. Acredita-se que foi o templo mais importante da cidade. O Templo das Três Janelas, uma bela estrutura de pedra com três muros construídos e montados com grande maestria. Destacam-se três belas janelas em formato trapezoidal ali situadas por motivos mágico-religiosos.
Intihuatana
Lugar mais conhecido de Machu Picchu e o mais enigmático. Trata-se de um relógio de sol esculpido em uma só peça que projeta sombras em suas diferentes faces em relação à posição do sol e às diferentes estações do ano.
Montanha Huayna Picchu
A montanha é um dos lugares mais atrativos e populares de Machu Picchu. É de lá que são tiradas as fotos clássicas. Subir esta montanha é uma incrível aventura. Quando ela é vista de baixo, devido à sua inclinação, pode-se sentir uma grande vertigem, porém ao chegar ao topo é o momento mais inesquecível, porém não é o único, uma vez que nesta montanha encontra-se o Templo da Lua.

Recomendações de viagem

  • O clima é um fator importante uma vez que nesta região o tempo é instável. De maio a outubro é a temporada seca quando recomendamos usar roupas leves e um casaco impermeável leve em caso de chuva. De novembro a abril tem-se a época de chuvas quando o melhor é levar roupas impermeáveis.
  • Importante: deixe sua bagagem no hotel em Cusco porque não será necessário levar tudo para Águas Calientes, além disso, o trem permite somente 5kg por mala, por pessoa (para 1 noite de estadia será suficiente levar uma mochila leve).
  • É importante levar somente o necessário em uma mochila. Machu Picchu é um lugar para caminhar, sendo melhor não levar muito peso. Um casaco leve, repelente, protetor solar e lanches e o mais recomendável.
  • Um detalhe muito importante é o descanso. Ao chegar a Cusco, é recomendável descansar ao menos nos primeiros 2 dias para que seu corpo se acostume à altitude e assim evitar náuseas e mal-estar. Tome bastante água e evite comidas pesadas.
  • Muito importante: levar sempre o documento com o qual você fez a reserva e/ ou comprou seu ingresso a Machu Picchu, seja passaporte ou RG. Sem eles você não poderá entrar em nenhuma atração turística, principalmente Machu Picchu.